Um curso, um bolo.

Era um bolo. Macio, de chocolate, comum. Delicioso.

Era um grupo. Estudantes, leitores, dedicados. “Letrados”.

Eles pegavam o pedaço, cada um o seu. Seus toques eram diferenciados e estilizados. Uns eram sérios, outros tímidos, outros espontâneos. Uns falavam alto, outros baixinho, outros não se ouvia a voz. Todos sabiam sorrir. Todos riam.

Se conheciam a tão pouco tempo. Riam a tanto mais. Faziam festa, faziam planos, se ajudavam.

Aquele bolo foi dividido entre todos, feito por cada um com seu próprio ingrediente. Saboreado de tal forma que ficaria guardado na memória, para sempre.

O bolo era o primeiro de muitos… cobrados ou combinados; espontâneos.

O bolo não era só comida. Ele tinha algo a mais… Parecia ter personalidade e ser bem firme.

Aquelas noites que viriam, cheias de bolo? Noites fatiadas do cotidiano farinhento, cheias de fermento de conhecimento e chocolates de humor.

Aos cozinheiros deste bolo, que se sentam todas as noites, prontos para mais uma aventura das letras.

Letícia Wilhelm

Escritora, formada em Letras e professora de língua inglesa. Gostaria de rodar o mundo e, mais ainda, criar um próprio para que outros possam visita-lo. Curte observar as pequenas coisas da vida e às vezes contá-las em histórias. Gosta de café e chocolate, de ver a chuva caindo e das tardes laranjas de outono.

0 thoughts on “Um curso, um bolo.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *